10 dicas para escritores, de Zadie Smith

Zadie Smith é um novelista britânica cujo livro de estréia Dentes Brancos (2000) virou sucesso imediato, entrando para a lista de best-sellers e ganhando vários prêmios. O livro foi inclusive adaptado para a TV em 2002, exibido no Channel 4 britânico.

10 dicas para escritores, de Zadie Smith

Em entrevistas, Smith chegou a declarar que o sucesso do seu 1º livro lhe causou um “bloqueio de escritor”, uma terrível condição que atinge escritores, deixando-os com dificuldade de escrever e/ou conceber idéias novas que possam colocar no papel.

Na lista abaixo, Zadie Smith nos oferece 10 dicas para escritores, e de como podemos seguir nesta não tão simples tarefa que é escrever.

1. Quando ainda criança, certifique-se de ler muitos livros. Gaste mais tempo fazendo isso do que qualquer outra coisa.

2. Quando já for adulto, tente ler seu próprio trabalho como se fosse um estranho, ou melhor, como um inimigo faria.

Continue reading

8 princípios básicos da escrita criativa, por Kurt Vonnegut

Kurt Vonnegut foi um escritor americano (1922-2007) responsável por romances memoráveis ​​como o Matadouro 5, Came de Gato e o Café Da Manhã Dos Campeões, entre outros.

8 princípios básicos da escrita criativa, por Kurt Vonnegut

Entre seus temas mais comuns estão a crítica sobre a sociedade que vivemos; a riqueza, a pobreza e sua distribuição desigual; as escolhas e a vontade própria, assim como a impossibilidade de ambas, e o medo da perda do propósito de vida. A pergunta que todos nós fazemos em vários momentos da nossa vida também esta frequente em suas obras “qual a razão da vida?“.

Com sabedoria e humor, Vonnegut apresentou 8 princípios básicos da escrita criativa que ele chamou de Escrita Criativa 101:

1. Use o tempo de um estranho de tal maneira que ele não sinta que seu tempo foi desperdiçado.

2. Dê ao leitor pelo menos um personagem pelo qual ele possa torcer.

Continue reading

Outsider, de Stephen King (resenha)

Outsider, de Stephen King foi mais um livro onde consegui a proeza de ler mais de 500 paginas em apenas 4 dias. Goste ou não, este é um daqueles livros onde é quase impossível parar de ler.

Outsider, de Stephen King

A trama de Outsider gira em torno de um crime terrível: um garoto é brutalmente assassinado e tudo indica que o criminoso é ninguém menos do que o treinador da liga infantil de beisebol da cidade, Terry Maitland, um sujeito querido por todos e acima de qualquer suspeita.

O detetive responsável pelo caso, Ralph Anderson, tem testemunhos incontestáveis e DNA que comprovam que o treinador, Couch T., como é chamado por muitos, é realmente o culpado, porém ele tem um alibi igualmente forte: estava em outra cidade em uma conferência com um grupo de professores da escola onde leciona.

Continue reading

Minha Irmã, a Assassina em Série, de Oyinkan Braithwaite

Minha Irmã, a Assassina em Série (tradução livre de My Sister, the Serial Killer), foi uma grata surpresa neste final de ano.

Ayoola é uma linda jovem, viciada em mídia social e com seu próprio negócio no Instagram, a favorita da família, e ela tem uma irmã mais velha, Korede, que é seu oposto, além de sempre parecer um tanto amarga.

Minha Irmã, a Assassina em Série, de Oyinkan Braithwaite

Tudo isso soaria bem familiar se Ayoola também não fosse uma assassina em série que mata seus namorados e Korede, a irmã mais velha, que esta sempre a ajudando a encobrir os crimes. A trama se passa em Lagos, Nigéria, e começa quando Korede esta ajudando Ayoola a se safar de seu 3º crime.

Continue reading

Melhores Livros de 2018

Chega o fim do ano e começamos a ver listas por todos lados, e é claro que os livros não ficariam de fora desta. O que vale lembrar que ás vezes não são exatamente os melhores livros que figuram em algumas destas listas, mas sim os mais vendidos, o que não significa a mesma coisa.

Melhores Livros de 2018

Todos nós sabemos que um livro mediano de um autor famoso com um orçamento de marketing gigante vai superar de longe um livro excelente de um autor desconhecido com orçamento de marketing pequeno. Uma grande piada entre amigos escritores é a seleção de Best Sellers do New York Times, que ainda é vista por muitos como o Pantheon, mas na realidade é apenas o que o próprio nome diz “os mais vendidos“.

Ah, mas tem livros que são sucesso de venda e são muito bons“, você pode dizer. Sim, claro que tem, e felizmente hoje em dia podemos pesquisar e descobrir qual destes livros vai nos proporcionar bons momentos. E no fim das contas é isso que importa: achar um livro que vai nos fazer pensar um pouco diferente, aprender uma coisa ou outra, se divertir, se assustar, se emocionar e poder dizer ao final dele que fizemos uma boa viagem. Todo resto são apenas opiniões que podem casar com a sua ou não.

Por isso eu encaro esta época de listas “melhores e mais” com um pouco de ceticismo: com certeza existem jóias a serem descobertas por ai, mas nem tudo que reluz é ouro.

Enfim, aqui vão algumas listas Melhores livros de 2018 que levo que considero. NPR vem em 1º lugar pois algumas recomendações este ano foram excepcionais. Depois temos duas listas do The Guardian: a 1ª onde pessoas conhecidas escolhem seu livro favorito e a 2ª é mais abrangente com várias categorias. Depois The New York Times e por último a lista da Veja com as obras mais vendidas no Brasil em 2018.

Scroll to top