Henry Miller: 10 dicas para escrever

Patricia

Patricia

Doida por tecnologia e viciada em Hi-Chew.
Faz toda parte de design, layout e programação.
E no final do dia, repõem o estoque da geladeirinha.
Patricia

Últimos posts por Patricia (exibir todos)

Pode-se dizer que Henry Miller criou algo como uma nova forma literária: romances semi-autobiográficos que mesclam narrativa com filosofia, misticismo e comentários sociais, todos temperados com cenas sexuais explícitas (foi por esse motivo que seus livros foram proibidos nos EUA até 1961). Entre seus livros mais famosos estão: Trópico de Câncer (1934) e Trópico de Capricórnio (1939).

Henry Miller

Abaixo segue uma pequena lista com algumas dicas do mestre para aprimorar a sua escrita:

1. Trabalhe em uma coisa de cada vez até terminar.
2. Não inicie mais livros novos, não adicione mais material novo ao “Black Spring”. (aparentemente, ele está se dando este conselho.)
3. Não fique nervoso. Trabalhe com calma, alegria e imprudência com o que tiver em mãos.
4. Trabalhe de acordo com o programa e não de acordo com o humor. Pare na hora marcada!
5. Quando você não pode criar você pode trabalhar.
6. Cimente um pouco a cada dia, em vez de adicionar novos fertilizantes.
7. Mantenha-se humano! Veja pessoas, vá a lugares, beba se quiser.
8. Não seja um cavalo de puxar arado! Trabalhe apenas com prazer.
9. Descarte o programa quando quiser, mas volte no dia seguinte. Concentrado. Diminua. Exclua.
10. Esqueça os livros que você quer escrever. Pense apenas no livro que você está escrevendo.
11. Escreva primeiro. Pintura, música, amigos, cinema, tudo isso vem depois.

Do livro de Henry Miller, Henry Miller on Writing.

Para comprar livros deste autor, visite Amazon.

Sobre Patricia

Doida por tecnologia e viciada em Hi-Chew. Faz toda parte de design, layout e programação. E no final do dia, repõem o estoque da geladeirinha.