Run Away, de Harlan Coben (resenha)

Run Away, de Harlan Coben (resenha)

No livro Outsider, de Stephen King, ele menciona o autor Harlan Coben (autor de mais de 30 livros; criador e produtor da série Safe do Netflix estrelando Michael C. Hall) várias vezes, e eu nunca tinha lido nada dele. Então por indicação do tio Stephen decidi ler e escolhi o Missing You, já que concorreu ao melhor thriller de 2014 no site GoodReads e esta com uma boa nota no mesmo site. Oohh, que decepção! O livro me deixou tão desapontada que ainda não tive coragem nem de escrever a resenha.

Run Away, de Harlan Coben

Mesmo assim resolvi dar mais uma chance ao autor antes de sair descendo a boca: ler outro livro para ver se ele é ruim mesmo e o tio Stephen estava errado, ou se foi azar de pegar um livro fraco.

Bom, resolvi tentar com o mais recente lançamento de Harlan Coben, Run Away, e uau, foi uma agradável surpresa!

Sem querer dar spoiler, a trama se inicia com uma garota de classe média alta que vive em NYC, viciada em drogas e com um namorado abusivo, que foge de casa e não quer ser encontrada pela família, até que um dia o pai a vê tocando no Central Park e ela esta irreconhecível. O que um pai faz quando encontra uma filha nesta situação? Se isso lhe soa familiar, sim, é uma trama elaborada em cima do “até onde você vai para proteger sua família?”.

A partir dai muita coisa acontece em um curto espaço de tempo, mas não é difícil acompanhar como alguns disseram, e, pelo menos no meu caso, não foi difícil ver o que estava por vir. E não estou culpando o autor, já que é complicado montar um thriller com migalhas pelo caminho (para evitar o terrível final deux ex machina que ofende os leitores) que não vá alertar o leitor mais experiente do que esta por vir. Se você já leu muitos thrillers sabe exatamente do que estou falando. Se não, aproveite ao máximo não ter seu cérebro colocando uma flexa amarela no que deveria passar desapercebido.

Run Away tem personagens decentes e realistas, a trama é boa e bem construída, com subplots igualmente interessantes. O ritmo é ótimo e rapidamente somos envolvidos, e a necessidade em saber o que vai acontecer em seguida faz deste livro um autentico “vira-páginas”. Eu li em 3 dias!

Run Away não vai mudar sua vida, mas com certeza você vai passar boas horas entretido. Conseguiu tirar minha antipatia (por causa da leitura anterior, como expliquei acima), então com certeza valeu a pena, e recomendo.

Para comprar livros deste autor, visite Amazon.

Patricia
escrito por
Patricia