The Library Book, de Susan Orlean (resenha)

Terminei de ler o livro The Library Book, de Susan Orlean, e precisei de um tempinho para escrever a resenha. O livro é sobre o incêndio que assolou a biblioteca central de Los Angeles em 1986. Como sabia muito pouco sobre o ocorrido, e como o livro foi muito recomendado, resolvi ler.

The Library Book, de Susan Orlean (resenha)

Mas o livro não é só sobre o incêndio, é a história da biblioteca central, seu funcionamento, seus funcionários através dos anos desde a sua fundação, seus departamentos, etc. Algumas partes foram interessantes, outras nem tanto, mas o problema é como a informação foi distribuida pelo livro. Eu não gostei dos pulos de um tópico ao outro.

Continue reading

A história do Brasil para quem tem pressa, de Marcos Costa (resenha)

O que lembro das aulas de história do Brasil dos meus tempos de escola são dos acontecimentos heróicos e das figuras –supostamente– fascinantes. Infelizmente nas aulas não houve interesse em costurar os tais acontecimentos aos motivos e, mais importante ainda, as consequências. Foi tipo: Descobrimento! Jesuítas! Independência ou Morte! Inconfidência Mineira! Abolição! e por ai vai.

A história do Brasil para quem tem pressa

O livro A história do Brasil para quem tem pressa, de Marcos Costa é breve como o próprio título diz, e uns podem dizer que é superficial, mas na minha opinião o autor fez um bom trabalho traçando um mapa que liga motivações, acontecimentos e consequências que traz a gente até esse momento que vivemos.

Continue reading

Numero Zero, de Umberto Eco (resenha)

O que dizer sobre Numero Zero, de Umberto Eco? Bom, eu gosto muito do autor, então minha opinião não é totalmente sem paixão, mas mesmo assim, vamos lá…

A trama se passa em Milão, 1990, quando o jornalista Colonna é contratado para trabalhar num jornal que nunca vai ser publicado. Logo de cara lhe dizem que a idéia é que certas pessoas tenham medo do que o jornal possa a vir publicar quando for lançado, então para todos os efeitos é preciso que pareça um jornal real, com notícias, staff e tudo mais. Mas a intenção é manipular.

Numero Zero, de Umberto Eco

Outras pessoas são contratadas (é preciso parecer legitimo, lembre-se) e entre eles esta Braggadocio, um tipo daqueles que sempre esta falando em conspirações mirabolantes, que envolvem desde segredos militares, e até o Vaticano. Tudo parece pura maluquice, até que um assassinato acontece e talvez as tais teorias não sejam assim tão malucas…

Continue reading

Vida Dupla, de S.J. Watson (resenha)

O que dizer sobre o livro Vida Dupla, do autor inglês S.J. Watson, que também publicou o best-seller Antes de Dormir, que fez sucesso e até virou filme com a Nicole Kidman.

Foi por recomendação do NPR que selecionei este livro para ser o primeiro que leio deste autor, mas confesso que foi uma decisão equivocada. Vida Dupla é um destes livros que a gente se pergunta a cada página se deve parar e colocar na ala da estante destinada a NT (não terminei). Eu detesto parar livros no meio, e também o anterior foi um best-seller e virou até filme, logo esse deveria melhorar a qualquer momento e me surpreender, não? Não.

Vida Dupla, de S.J. Watson

Vida Dupla é um thriller psicológico sobre uma mulher com uma identidade secreta. Quando Julia descobre que sua irmã foi violentamente assassinada, ela decide descobrir o motivo. Mas a busca evolui para uma exploração do seus desejos sensuais. Ao envolver-se com um estranho num site de relacionamentos, ela sente que está perdendo controle e essa busca por respostas pode comprometer seu casamento, sua família e sua vida.

O livro até promete se a premissa de explorar desejos E busca por assassino de irmã não soe bizarro para você, mas vamos por partes. O livro é leeeeento e cansativo. O autor se repete desnecessariamente, no desejo talvez de fazer a gente simpatizar com a personagem principal, Julia, mas que no meu caso teve o efeito oposto. Eu a detestei.
Continue reading

Outsider, de Stephen King (resenha)

Outsider, de Stephen King foi mais um livro onde consegui a proeza de ler mais de 500 paginas em apenas 4 dias. Goste ou não, este é um daqueles livros onde é quase impossível parar de ler.

Outsider, de Stephen King

A trama de Outsider gira em torno de um crime terrível: um garoto é brutalmente assassinado e tudo indica que o criminoso é ninguém menos do que o treinador da liga infantil de beisebol da cidade, Terry Maitland, um sujeito querido por todos e acima de qualquer suspeita.

O detetive responsável pelo caso, Ralph Anderson, tem testemunhos incontestáveis e DNA que comprovam que o treinador, Couch T., como é chamado por muitos, é realmente o culpado, porém ele tem um alibi igualmente forte: estava em outra cidade em uma conferência com um grupo de professores da escola onde leciona.

Continue reading

Scroll to top